domingo, 23 de julho de 2017

O Brasil entrou em quadra pressionado na manhã deste domingo. Com os resultados da madrugada, seria obrigado a vencer o forte time dos Estados Unidos na última rodada da fase de classificação do Grand Prix para evitar uma eliminação precoce. Mas diante de um ginásio lotado em Cuiabá, a renovada seleção do técnico José Roberto Guimarães mostrou maturidade, dominou as americanas nos dois primeiros sets, segurou a reação rival e, no embalo das veteranas Adenízia, Natália e Tandara, conquistou a terceira vitória seguida na etapa: 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/13 e 18/25 e 25/18. Com o resultado, as brasileiras garantiram vaga na Fase Final e seguem em busca do 12º título da competição.

Classificado, o Brasil se prepara agora para mais uma longa viagem, rumo à China. As Finais estão marcadas para entre os dias 2 e 6 de agosto, na cidade de Nanjing. Além das brasileiras e das anfitriãs chinesas, também estão classificadas as seleções de Sérvia, Estados Unidos, Itália e Holanda.

Bloqueio faz a diferença

Principal arma do Brasil neste Grand Prix, o bloqueio voltou a fazer a diferença. Ao lado da jovem Carol, a sempre vibrante Adenízia comandou o paredão amarelo. Ao todo, foram 17 pontos neste fundamento para a seleção brasileira. Bola de segurança pelo meio, Natália foi a maior pontuadora da partida, com 19, seguida de perto pela central Adenízia, que colocou 18 bolas no chão. Outra referência da equipe, Tandara também contribuiu bem 14 e a jovem Rosamaria somou outros 12.

– Eu aprendi desde pequena a ter essa vibração. Saio morta do jogo, porque passo muito essa energia para as meninas. Às vezes, não estou nem no meu melhor dentro de quadra, mas foco nisso, passar essa energia positiva e fico feliz que está dando certo. Sabemos do nosso potencial, das dificuldades que vamos encontrar na Fase Final, mas vamos para cima. Cada jogo será uma guerra – afirmou Adenízia.

– Não tínhamos outra opção que não fosse ganhar os três jogos jogos para classificar. Então, foi muito importante, acho que tivemos um crescimento bacana, uma maturidade nos momentos dificeis e pudemos sair com essa classificação. Com certeza, chegamos nas finais com mais força e sabemos que, se continuarmos trabalhando e buscando como fizemos aqui, vamos poder buscar uma posição boa e, quem sabe, mais um título de Grand Prix – completou Natália.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

A caminhada do Central em 2017 passa longe de histórias felizes. Último lugar na segunda fase do Campeonato Pernambucano, eliminação na fase de grupos da Série D do Campeonato Brasileiro, ocupando a lanterna, início de parceria com empresário acusado de golpes, salários atrasados e jogadores sem alimentação.

E a situação piorou nesta quarta-feira. A Patativa teve a piscina penhorada pela Justiça do Trabalho, dentro de um processo trabalhista movido pelo ex-técnico do clube, Humberto Santos, que comandou a equipe pela última vez em 2015. De acordo o treinador, a dívida do Central com ele é de aproximadamente R$ 100 mil. A piscina, que estava guardada no estádio Lacerdão, é avaliada em cerca de R$ 15 mil.

No Campeonato Pernambucano 2017, o Central ficou na última posição do hexagonal do título, com nove derrotas em dez jogos. Em seguida, o clube anunciou uma parceria com o empresário Márcio Granada. Acusado de golpes, o brasileiro dono do Las Vegas United, dos Estados Unidos, teve a licença do time cancelada e viu os atletas voltarem para o Brasil após ações de despejo.Na Série D do Campeonato Brasileiro, o Central não passou da primeira fase pelo segundo ano consecutivo, com um time montado ainda na parceria com Márcio Granada, que não teve assinatura de contrato e não chegou a durar um mês.Ainda durante os jogos do Campeoanto Pernambucano, o alvinegro não pôde jogar a maioria da competição no estádio Lacerdão. O gramado ficou sem condições de receber uma partida oficial e teve algumas rendas confiscadas pela Justiça do Trabalho.

Seguindo os fatos que chamaram atenção na Patativa, durante a preparação para encarar o Náutico, após levar uma goleada de 5 x 0 na Arena de Permambuco, um dos jogadores do elenco, o zagueiro Sanny Rodrigues, reclamou da falta de alimentação e estrutura no clube,situação que repercutiu nacionalmente. Junto com tudo isso, o presidente Lícius Cavalcanti quase passou por um impeachment.

quarta-feira, 05 de julho de 2017

E nem mesmo a chuva e o frio foram capazes de diminuir o ânimo dos atletas que disputaram o 1º Torneio de Vôlei de Areia – Dupla Beneficente neste final de semana aqui em Garanhuns.

A dupla Gustavo Osório e Anderson Galdino foi campeã no masculino, tendo Paulo Wanderley e Janailson Silva como Vice-campeões. Já na modalidade Dupla Mista, o título ficou com Gilberto Lyra e Juliana Almeida. A Competição, realizada no Parque Euclides Dourado, contou com a organização do professor de Educação Física, Everaldo Noronha, e teve o apoio do Governo Municipal de Garanhuns, através da Secretaria de Juventude, Esportes e Lazer.

Por: Carlos Eugênio

domingo, 04 de junho de 2017

O Central e Juazeirense ficaram no 1 a 1 na tarde deste domingo, no estádio Lacerdão, em duelo válido pela terceira rodada do Grupo A7 da Série D do Campeonato Brasileiro. O gol do Cancão de Fogo foi marcado por Sassá, aos 31 minutos do primeiro tempo, após bobeada da defesa alvinegra. Na etapa final, aos 35, Agenor, de fora da área, empatou para a Patativa.

O jogo

A Patativa queria entrar na zona de classificação para a próxima fase e o Cancão a liderança isolada da chave. Quem conseguiu chegar mais perto do objetivo na primeira etapa foram os visitantes. Aos 31 minutos, após bobeada da defesa alvinegra, Sassá mandou para o gol. O Central até tentou uma reação, mas não conseguiu empatar o duelo.

Na segundo etapa, o técnico Álvaro Gaia fez modificações e colocou o time para jogar pra frente. O resultado demorou a aparecer, mas veio. Aos 35 minutos do segundo tempo, Agenor arriscou de fora da área e empatou o duelo. Depois do gol, só deu Central. A Juazeirense se defendeu como pôde e segurou o resultado fora de casa.

Na próxima rodada as duas equipes voltam a se enfrentar no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro, na Bahia. O duelo está marcado para o sábado, às 16h.

terça-feira, 23 de maio de 2017

A Polícia Federal cumpre na manhã desta terça-feira (23) mandados de prisão temporária contra ex-governadores do Distrito Federal José Roberto Arruda e Agnelo Queiroz e o ex-vice governador Tadeu Filippelli, hoje assessor do presidente Michel Temer. Às 8h12, segundo informações da PF, os três políticos foram detidos. Os policiais chegaram na casa de Agnelo por volta das 6h.

A operação é baseada em delação premiada de executivos da Andrade Gutierrez sobre um esquema de corrupção nas obras do estádio Mané Garrincha. A PF diz que a reforma do local pode ter sido superfaturada em cerca de R$ 900 milhões, visto que estava orçada em R$ 600 milhões mas custou R$ 1,575 bilhão.

O advogado de Arruda, Paulo Emílio, afirmou ao G1 que ainda está “tomando pé das circunstâncias”, mas que vai tentar revogar o mandado prisão. Segundo ele, o político ainda não tinha sido preso até às 8h20.

O G1 tentou contato com o advogado do ex-governador Agnelo Queiroz, mas não obteve respostas até o momento da publicação desta reportagem. A defesa do ex-vice governador Tadeu Filippelli, afirmou que “preferia não se pronunciar por enquanto”.

Na operação desta manhã, cerca de 80 policiais foram divididos em 16 equipes e devem ser cumpridos 10 mandados de prisão temporária, 3 de conduções coercitivas e 15 mandados de busca e apreensão. As medidas judiciais partiram da 10ª Vara da Justiça do DF e as ações ocorrem em Brasília.Além dos políticos, a operação desta terça tem como alvo agentes públicos, construtoras e operadores das propinas que atuaram na época. Segundo a PF, a suspeita é de que com a intermediação dos operadores, os agentes públicos tenham simulado etapas da licitação. O Mané Garrincha não recebeu financiamento do BNDES, mas da Terracap, empresa do governo do Distrito Federal que não tinha este tipo de operação prevista entre suas atividades.

Agnelo, que foi governador do DF de 2011 a 2015, foi condenado a ficar inelegível por oito anos em 2016. O Tribunal Regional Eleitoral entendeu que ele e seu vice, Filippelli, usaram pa publicidade do governo para se favorecer a campanha de 2014.Em fevereiro passsado, o Tribunal Superior Eleitoral manteve a punição ao ex-governador, mas absolveu o ex-vice.

Filippelli foi nomeado assessor especial do gabinete pessoal de Temer em setembro de 2016. Antes, integrava, desde 2015, a assessoria parlamentar da vice-presidência da República. Segundo blog da Andréia Sadi, Filippelli despacha no 3º andar, onde fica o presidente, e é um dos assessores que faz a interlocução de bastidor com o Congresso e empresários.

Em julho de 2014, Arruda foi condenado pelo Tribunal de Justiça do DF por improbidade administrativa e pelo suposto envolvimento no esquema de corrupção conhecido por mensalão do DEM. No mesmo ano, ele teve o registro barrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com base na Lei da Ficha Limpa e renunciou a candidatura para governador do DF.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

No Centenário, em Montevidéu, palco da final da primeira Copa do Mundo, em 1930, tendo a tranquilidade de poder perder até por dois gols de diferença que mesmo assim avança à segunda fase da Copa Sul-Americana, o Sport enfrenta o Danubio no jogo de VOLTA da Sulamericana. Para a partida, além se seguir sem contar com o zagueiro Ronaldo Alves e o meia Diego Souza, ainda vetados por problemas musculares, o treinador também não pôde contar com o volante Rithely, o lateral Samuel Xavier e o atacante Juninho todos poupados pelo desgaste acumulado com a maratona de jogos. A partida contra o Danubio será a 32º do time no ano. Em temporada complicada em termos de resultados, o time uruguaio mostrou uma leve evolução se comparado ao primeiro jogo contra o Sport, no último 04 de abril. Se naquela ocasião o Danubio havia vencido apenas uma partida em nove rodadas do Campeonato Uruguaio, a situação melhorou com dois triunfos nos últimos cinco compromissos. A situação ainda é delicada, já que o clube ocupa a 11ª colocação de um total de 16 participantes